quarta-feira, 30 de junho de 2010

Paisagem tipicamente africana


(clicar na foto)

Paisagem tipicamente africana. A foto foi tirada, em Dezembro de 1971, no Lucunga, no início da picada para o Coji. A árvore da foto, quando floria era linda, nas matas, no Andimba e na Mucaba havia árvores com copas enormes. Nas fazendas, a sombra dos cafezais era obtida com exemplares de grande porte, na altura que floriam eram duma beleza esmagadora.

terça-feira, 29 de junho de 2010

O Sousa das transmissões


(clicar na foto)

As transmissões, na guerra são fundamentais assim, hora a hora, na Companhia, o pessoal de serviço tinha de estabelecer ligação com o Batalhão, na Damba. Quando havia pessoal fora, na mata, a escuta era permanente. Os rádios eram fracos, as comunicações deficientes mas, lá nos íamos desenrascando.
Agora, as comunicações são fáceis, os telefones satélite permitem falar de e para qualquer sítio...grande revolução.
Na foto, o Sousa, muito compenetrado na sua actividade de transmitir, na época havia sentido de responsabilidade e de missão.

domingo, 27 de junho de 2010

"Pacaça"


(clicar na foto)

A caça entusiasmava o pessoal, a fauna era muita e variada na zona do Lucunga.
Dava muito gozo caçar animais de grande porte, a sua carne era consumida na Companhia, quando havia abundância era oferecida ao povo da sanzala.
Recordo-me que uma vez, perto do Lucunga uma pacaça atravessou-se no caminho e foi abatida. Para transportar o animal era necessário uma viatura de caixa aberta, então fomos à Companhia buscar a Mercedes, pouco tempo depois, quando chegámos ao local, para recolher a "pacaça", os abutres já a estavam a devorar... lá se foi a nossa caçada.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Mais uma viagem no avião do Aero Clube do Uíge


(clicar na foto)

Alegria e boa disposição, o Sousa e o Soares a caminho de Carmona. Sempre que era possível lá íamos nós passar uns dias fora, era um alívio, a pressão imposta pelas operações, colunas e outras acções ficava para trás.
Na foto, podemos ver o Mangas, o Correia, o Poças entre outros, de costas, o malogrado Guimarães.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

" POR DEUS E PELA PÁTRIA ",



Creio que todos os ex. Combatentes, que cumpriram o seu serviço Militar em Angola, ainda se lembram da Rádio Eclesias, com o seu programa diário das 10H00 às 11H00 e repetido às 02H00, " POR DEUS E PELA PÁTRIA ", que era dedicado aos Militares ( SPM) , que pediam os seus discos preferidos e ainda faziam as suas dedicatória, por intermédio de aerogramas ?, creio eu que a a locutora se chamava Maria Helena, era uma hora de boa musica e de boa disposição, quanto à minha parte neste programa, todos os dias tinha um pedido para dedicar aos " FALCÕES " desde a Cart. 3452, à Damba, Chimacongo e a Lucunga, principalmente ao Cabo Matos do 4º Grupo de Combate, no fim do ano de 1972 ou nos princípios de 1973, estive de férias em Luanda e fiz uma visita aos estúdios do programa, aonde me fizeram uma pequena entrevista para o referido programa, a locutora era uma simpatia e amável Senhora, estes pequenos pormenores, fazem parte das boas lembranças de Angola.

Para todos os " FALCÕES " um abraço

João Celestino

terça-feira, 22 de junho de 2010

ENCONTRO 2008 - Minde/Fátima


(clicar na foto)

Em 2008, a CART 3451 fez o seu ENCONTRO anual em Minde/Fátima,a foto mostra os companheiros presentes, o organizador foi o Barrela, na 1ª fila,o primeiro da esquerda para a direita.

sábado, 19 de junho de 2010

O Sousa na horta

(clicar na foto)

No Lucunga, havia uma horta e um galinheiro, se bem me recordo, o orientador técnico era o Patrício.
O clima era generoso, quente e húmido, as alfaces, os tomates, as beringelas cresciam imenso e rapidamente.

Penso que a agricultura é uma das grandes potencialidades de Angola, terra boa não falta, o governo actual, tem em marcha um plano de distribuição de terras, de alfaias a par com formação e outros incentivos.
É inacreditável que num país com tantas potencialidades agrícolas, possa existir fome. No Uíge, se bem me lembro, há duas colheitas anuais de café, isso é fantástico.

Na foto, temos o Sousa no meio dos tomates.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Na proa do Vera Cruz

(clicar na foto)

Esta foto foi tirada na proa do Vera Cruz, nesta altura estava apreensivo com o que iria acontecer depois. Atrás de mim estão as amarras do navio e a torre de comando, o Vera Cruz era um bom navio de passageiros que poderia ter sido aproveitado, mais tarde, para cruzeiros mas, penso que acabou desmantelado...num país como o nosso, tudo é desmantelado.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Igreja de Mucaba

(clicar na foto)

IGREJA DE MUCABA
O " FALCÃO " Guimarães é proprietário de um Restaurante/café em Lisboa, há muitos anos contou uma história, que se passou nos Anos " 70 ", um individuo de raça negra começou a frequentar o seu Café, um dia em conversa perguntou-lhe qual era a sua Nacionalidade, tendo como resposta Angolano, o Guimarães ripostou-lhe dizendo que ele também esteve em Angola, mais concretamente em Mucaba, a cumprir o seu serviço Militar, de imediato, o mesmo disse-lhe que também ele esteve em Mucaba no Ano de 1976, como Soldado do MPLA, estava lá no dia dos assassinatos dos 5 brancos e dos 3 feridos, e, que nos vários confrontos entre os elementos do MPLA e FNLA, a única coisa que ficou direita em Mucaba foi a IGREJA .
Passado todos estes Anos, como é que estarão, as estruturas da casas da Vila de Mucaba e do Quartel ?, provavelmente sem manutenção/conservação ?.

Na foto :- A FAMOSA IGREJA DE MUCABA, que em 1961 serviu de refúgio aos Colonos, para salvarem as suas vidas do ataques terrorista, no ano de 1976 foi poupada nos confrontos entre elementos do MPLA e da FNLA ?. segundo a versão acima mencionada.

Foto cedida pelo "FALCÃO " PAIS o ( MIKE ) Imigrante na Inglaterra.
Um abraço para todos os " FALCÕES ".

João Celestino

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Encontro 2010-CART 3451

(clicar nas fotos)

Na foto, temos o Guerra e o Pexirra, em pano de fundo a orquestra que animou o encontro da CART 3451, em Leiria, na A.Júlio, SA, instalações do nosso companheiro e amigo Sousa (António Júlio Guedes de Sousa.


Nesta foto, temos o Fajardo, o Arouca e o filho, pessoal da ferrugem.



terça-feira, 15 de junho de 2010

Homenagem-CART 3452

(clicar nas fotos)

Andrade da Silva, Castro, Varélinha, Rocha, Silva, Simões D. Leonor, Crespo e Mariano entre outros
Coronel Andrade da Silva,Castro, Alberto Fernandes, Silva, Rocha, Simões, Rito , Esposa do CMDT D. Leonor, entre outros (é difícil lembrar-me dos nomes todos)

João Celestino

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Piscina do Vera Cruz

(clicar na foto)

Quando fizemos a viagem para África, havia cólera em Angola, a piscina do Vera Cruz estava vazia, não podia ser usada.
Em Luanda, todo o pessoal foi vacinado, contra tudo e mais alguma coisa, lembro-me duma contra a doença do sono, no Grafanil, toda a Companhia, no chão, de rabo para o ar, um enfermeiro espetava a agulha, outro dava a vacina, outro retirava a agulha e desinfectava. Estivemos naquela posição mais de meia hora.
Felizmente que eu saiba, ninguém contraiu a doença do sono, só conheci uma mulher indígena, num povo junto à Lêmboa que era portadora do mal.
Na foto, estou com o Reis Pinto e de acordo com a braçadeira estava de serviço.

domingo, 13 de junho de 2010

Um FALCÃO que nos orgulha - CART 3452


(clicar na foto)

UM FALCÃO QUE NOS ORGULHA

Sem menosprezar seja quem for, o grande êxito da comparência dos " FALCÕES " do Norte em Lisboa, para a Homenagem ao Coronel Figueira, e ao almoço anual, se deve em grande parte ao nosso Amigo e Camarada de Armas, JOAQUIM RIBEIRO FERNANDES (residente em Guimarães) Ex. 1º Cabo do 3º Grupo de Combate, perspicaz como é, sabia que devido aos transportes alguns " FALCÕES " tinham dificuldade em comparecerem a esta Cerimonia e Almoço, com o seu grande dinamismo que lhe é reconhecido por todos os " FALCÕES ", alugou um Autocarro de Turismo e Coordenou toda a Logística, Transportando assim os " FALCÕES " de Valença do Minho, Arcos de Valdevez, Braga, Porto, Guimarães e redondezas destas localidades.
Em nome de todos " OS FALCÕES " o nosso grande BEM HAJA ao FERNANDES.

Na foto:, Como não poderia de ser o, FERNANDES a caminho do autocarro para o regresso a sua casa.
Um abraço para todos os "FALCÕES"

João Celestino

Daniel Cohn-Bendit (legendado português) sobre a ajuda económica a Grécia

Ou não se chamasse ele como se chama, mas apreciem a extrema lucidez.

Daniel Marc Cohn-Bendit (Montauban, 4 de Abril de 1945) é um político alemão do partido ecologista Die Grünen (Os Verdes), actualmente deputado europeu e co-presidente o grupo parlamentar Grupo dos Verdes/Aliança Livre Europeia. Foi líder estudantil protagonista da massiva movimentação popular em Maio de 1968 em Paris (Cohn-Bendit era o ídolo dos estudantes….). Cohn-Bendit fala perfeitamente o francês e o alemão.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Lêmboa

(Clicar na foto)

Era na Lêmboa, o destacamento da CART 3451, a zona era bonita, mais povoada que o Lucunga.
Além dos habitantes indígenas, havia várias casas de comerciantes e a Administração de Posto, edifício no topo da foto.
Dava-me bem com o administrador de posto, um indiano casado com uma portuguesa da Moita-Barreiro, professora na escola local, tinham 2 filhos. Passava muito tempo em casa deles, ouvíamos música, comíamos coisas boas, o "sarapatel" prato indiano, bem picante, era óptimo, sempre bem regado.
É bom recordar os bons momentos...

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Soares e o Sousa

(Clicar na foto)

O Soares e o Sousa, 2 homens das transmissões, na foto ainda com o camuflado muito escuro, sinal de maçaricos.
Com o tempo o pessoal começou a ganhar uma tez própria africana, o camuflado também ia ficando debutado pelas lavagens e pelo uso.
A nossa juventude, na época, perdia-se em terras africanas, estes 2 companheiros ainda com cara de meninos, fizeram-se homens pela força das circunstâncias.

terça-feira, 8 de junho de 2010

10 de Junho

A todos os Patriotas, Combatentes e suas Famílias,

Este ano, o 10 de Junho realizará uma especial homenagem às Mães e Mulheres dos Combatentes.
Será oradora a viúva do Herói de Diu, Senhora Dª. Maria do Carmo Oliveira e Carmo.

Torna-se imperativo passar a mensagem, não só aos Combatentes mas a todas as Famílias Portuguesas que mantêm vivos os Valores Patrióticos. Para isso basta que, quem receber, sinta a responsabilidade de cooperar, reenviando a todos os seus endereços com pedido de reenvios sucessivos.

Será seguramente uma bonita e muito digna cerimónia, celebrando
VALORES que o nosso Portugal de hoje tanto necessita.

Lá vos esperamos!

Francisco de Bragança v. Uden
Comissão Executiva

Mais pormenores no sítio: http://ultramar.terraweb.biz/Celebracoesdo10JUN/Celebracoes_EncontrosNacionais_LX_2010Jun10_XVII.htm

Noticias

07-06-2010 13:24
Uíge
Cruz Azul quer fim dos conflitos nos lares

Bembe - O responsável municipal da Cruz Azul no Bembe, província do Uíge, Rodrigues Bengui, aconselhou hoje, naquela localidade, os pais a porem fim aos conflitos nos lares, para garantir a segurança e melhoramento da educação dos filhos.

Em declarações hoje à Angop, o responsável disse que os conflitos nos lares e outros males desvirtuam a boa educação dos filhos e originam o crescimento do índice da delinquência juvenil, incluíndo os casos de crianças desamparadas e da rua.

"Aconselho os pais, jovens e a população em geral, a evitarem o uso excessivo do álcool e drogas, visto que estas praticas contribuem também para o aumento de conflitos nos lares, a violência doméstica e a delinquência no seio da juventude", sublinhou Rodrigues Bengui.

Disse ainda que, para combater o elevado índice de conflitos que se registam nos lares, o uso excessivo do álcool e a delinquência no seio da comunidade, a Cruz Azul no município do Bembe está a levar a cabo, desde o principio do presente ano, um ciclo de palestras nas comunidades e nas igrejas.

A Cruz Azul no município do Bembe funciona desde o mês de Janeiro do ano em curso, e é composto por 19 activistas distribuídas nas comunas do Lucunga e Mabaia.

O município do Bembe, localizado a 135 quilómetros a norte da cidade capital da província, comporta duas comunas, 175 aldeias, com uma população estimada em 40 mil habitantes, maioritariamente agricultores.

Livro da CART 3452


(clicar na foto)

Caro amigo Luís Cabral, tudo bem espero que sim, hoje mandei-te o livro da 3452, aquele livro foi feito pelo Crespo, perdeu muitas horas e partes das noites, ele ainda se encontra a trabalhar, e no espaço de mês e meio mais ou menos, em que me informou que o devíamos fazer, tivemos que contactar o pessoal que tivessem fotografias, foi uma luta para inserir alguns nomes do pessoal nas fotografias, já lá vão muitos anos, mas mesmo assim foi muito bom o nosso serviço nesta situação , algumas foram-nos enviadas pelo correio, em virtude de não possuírem email, a Capa é que deu muito trabalho ao Crespo, mas creio eu que ficou óptima.
Por hoje é tudo um abraço

Celestino

segunda-feira, 7 de junho de 2010

A "anormalidade" do meu país

Consumado o primeiro casamento gay em Portugal


Helena Paixão, de 40 anos, e Teresa Pires, de 33, casaram esta manhã em Lisboa. Foi o primeiro enlace legal entre duas pessoas do mesmo sexo em Portugal. A cerimónia decorreu na 7ª Conservatória do Registo Civil de Lisboa, onde há quatro anos, as duas mulheres tentaram, em vão, unir-se em casamento.

Portugal é um país com tantos problemas mas, os governantes só se preocupam em legislar "anormalidades"...nesta matéria somos dos mais "avançados"...que nojo.

CART 3452-Encontro 2010

(clicar na foto)

Mais um almoço de confraternização dos " FALCÕES " de Mucaba, que se realizou em Alenquer, como previsto às 11H30 no Cemitério de Carnaxide (Oeiras), deu-se o inicio à cerimónia de HOMENAGEM ao Comandante da Cart.3452, Coronel João António Duarte Figueira, esta a cargo dos ex. Furriéis Maia e Camilo e ainda Coronel Andrade da Silva (Alferes na nossa época) colocando de seguida uma coroa de Flores junto ao Túmulo.

À que salientar a grande comparência dos " FALCÕES ", ultrapassando todas as expectativas dos organizadores, Mariano, Crespo e Guimarães, compareceram muitas caras novas, (novas nos almoços) Coronel Andrade da Silva, ex.Furriel Nogueira, Condutor Gonçalves, os Caboverdianos José Carlos, Alberto Fernandes, Silva Condutor, o Varelinha e como sempre presente António Santos, que se fez acompanhar destes nossos amigos e Camaradas de Armas, esperamos de futuro as suas comparências, foi com uma grande alegria que recebemos estes amigos que já não os víamos desde 1974.

Tivemos conhecimento de um trágico acidente no Canadá, em que faleceu o nosso Camarada de Armas do 4º Grupo de Combate, JORGE FERREIRA CAMPOS.

Decidiu-se que o Almoço para o ano 2011, será na Mealhada, último Sábado do mês de Maio, estando a sua organização a cargo do LUCAS.

Na foto:- De costas, Ferreira, Tito, Santos e Fernandes.
De Frente, Castro, Silva, Crespo, Gil, Guimarães e Celestino.

Um abraço para todos os " FALCÕES "

João Celestino

sábado, 5 de junho de 2010

Portugal dos Pequenitos - Coimbra - Portugal

(com som)

Aos 70 anos, o "Portugal dos Pequenitos" está cheio de vitalidade ao invés, o "Portugal dos Adultos" definha dia após dia. Os portugueses hoje, estão descrentes, o futuro é negro, o povo não reage ou será que adormeceu!!!...


Bissaya Barreto, foi o criador desta obra magnifica que em Coimbra nos encanta, combateu assim o centralismo de Lisboa.

sexta-feira, 4 de junho de 2010

O Sousa na Damba-1

(clicar na foto)

Na Damba, estava instalada a CCS do Batalhão 3860, a CART 3450 em Chimacongo com destacamento em Pete Cusso, a CART 3451 no Lucunga com destacamento na Lêmboa e a CART 3452 em Mucaba.
O pessoal das companhias de vez enquando, passava na Damba, por motivos vários.
Quando estávamos no destacamento da Lêmboa semanalmente, íamos à Damba fazer o reabastecimento de frescos.

Na foto, temos o Sousa encostado ao monumento do Batalhão que fomos render.

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Monumento da C.Caç. 106 no Lucunga


(clicar na foto)

A foto foi-nos enviada pelo nosso amigo Adelino Almeida, podemos apreciar o monumento deixado no Lucunga pela C. Caç. 106.

Como pano de fundo temos a "Ferrugem", sector da responsabilidade do Guerra, no tempo da ocupação do Lucunga pela CART 3451.



quarta-feira, 2 de junho de 2010

CART 3452-Uma lição de humanidade

(clicar na foto)

UMA LIÇÃO DE HUMANIDADE E DO BEM ESTAR DOS SEUS MILITARES
Estava-mos todos a jantar no refeitório, era a nossa segunda consoada, que passava-mos em Mucaba, reparamos que o Comandante Capitão Figueira, se levantara da sua Mesa e dirigia-se à Mesa do Soldado Novais, este tinha chegado à poucos dias à Companhia, tinha vindo em rendição individual, estava de cabisbaixo, era o seu primeiro Natal fora do seu ambiente Familiar, que tinha deixado recentemente, então ele estava a pensar em tudo isto, e não comia, o Comandante Figueira tinha-se apercebido desta situação, pegou num garfo, espetou-o numa posta de bacalhau, meteu-a no seu prato e ao mesmo tempo pôs a sua mão no ombro e diz-lhe, COME, PORQUE AGORA TODOS NÓS SOMOS UMA FAMÍLIA.

Passados poucos dias, deslocou-se uma Coluna Militar a Negage, e o Comandante informou o Alferes que queria que o Novais fosse nessa Coluna, a meio do caminho o Capitão parou o Jeep e perguntou se o Novais ia na Coluna, a resposta foi positiva, o Comandante perguntou ao Novais se ele queria ir com ele a Carmona ?, o Novais aceitou logo esta oferta, quando chegaram a Negage o Comandante pegou no seu Carro particular, que tinha levado do Continente, e lá foram os dois para Carmona, o Comandante foi tratar do que tinha a tratar, e o Novais andou a passear por Carmona, o Comandante deu-lhe um horário e local para se encontrarem para regressarem ambos a Negage.
O Novais nunca se esqueceu deste gesto de HUMANIDADE, lamentando-se não ter tido a oportunidade de falar com ele depois do nosso regresso, o NOVAIS vive em França mais concretamente em Dijon.
Na foto:- Na caixa da Berliett, Pinto, Faria (já falecido) ,Cabo Bastos, NOVAIS, Andrade e Ferreira.Na carroçaria, Cabo Campos e o Condutor Belchior.No chão, Furriel Gil, Velho Melo , este um Colono que frequentava a Messe de Oficiais e trabalhava no Posto da Administração de Mucaba e o Matos.
Um abraço para todos os" FALCÕES "
João Celestino

terça-feira, 1 de junho de 2010

Homenagem ao comandante da CART 3452

(clicar na foto)

Antigos Companheiros " OS FALCÕES " e minhas Senhoras, agradecemos ainda á Família DUARTE FIGUEIRA, D. Leonor, Cristina e Miguel, as suas presenças nesta Cerimónia de HOMENAGEM.

Estamos hoje aqui para para mais um encontro, ANUAL.

Desta vez, foi escolhido este local, para que viesse-mos ao encontro da PESSOA, que não encontramos em CORPO mas sim em ESPÍRITO, e que jamais ESQUECEREMOS,

FALAMOS DE SI, CAMARADA, AMIGO E COMANDANTE, CORONEL JOÃO ANTÓNIO DUARTE FIGUEIRA.

Estamos, hoje reunidos, PARA PRESTAR HOMENAGEM A UM HOMEM HUMANAMENTE BOM.

Já começamos a sentir a sua PRESENÇA FÍSICA, nos nossos almoços de confraternização, com a falta do SEU ABRAÇO, UM GRACEJO, UMA PIADA E A SUA BOA DISPOSIÇÃO, E NO SEU DISCURSO FINAL, POR VEZES A SUA VOZ FICAVA TREMULA, COMOVIDO E UMA PEQUENA LÁGRIMA LHE ESCORRIA PELO CANTO DO OLHO; QUANDO FALAVA DA NOSSA JUVENTUDE PERDIDA EM MUCABA.

AO GRANDE COMANDANTE FIGUEIRA, O NOSSO GRANDE BEM HAJA DOS

" F A L C Õ E S "

ATÉ UM DIA CO M A N D A N T E

CARNAXIDE, OEIRAS, 30 DE MAIO DE 2010